Lula o Cigarrinho e a União dos Homossexuais


Li na Folha de S. Paulo, que o presidente Lula não tem nada contra a união entre homossexuais e ainda enfatiza que, pensar ao contrário é preconceito e hipocrisia.

Concordo com ele e admiro o fato de ele ter se posicionado assim. É uma questão de humanismo. Óbvio que não podemos colocar uma venda nos olhos só para não ver a realidade.
Com amigos e relacionamentos de corpo e alma, não devemos nos meter.

Interessante também quando ele fala sobre o cigarro, - que defende o fumo em qualquer lugar. Acredito que ele ainda não tenha deixado este vício, e diz : - "Se o cara quiser fumar e estiver sozinho, e quiser se matar!" Ah, frases do Lula. Fantástico, mas é a pura verdade.

Nem tudo podemos evitar. A nossa obrigação como gente, é a de informar. A restrição feita sobre o cigarro em lugares públicos como restaurante, a meu ver, foi correta. A decisão e a intenção foi a de dificultar o fumo para os que são viciados e proteger os que são passivos.

Como na França, eles podem fumar na rua, dentro de suas casas ( se forem os proprietários ), porque se o apartamento for alugado, e o dono não permitir que fume lá dentro, nada feito! Há que se respeitar as normas, como tudo na vida.

A decisão na França foi tomada em função dos gastos com o dinheiro público em hospitais. Está comprovado que a número de pessoas com câncer causado pelo cigarro, é enorme, e isto trás sem dúvida um gasto muito grande para o governo. E se for para o bem de todos, que se tomem as decisões necessárias.

Aqui, vejo da mesma maneira. Se for para o bem de todos, que sejamos radicais e a pessoa pode fumar na rua, onde ela quiser, desde que não amole absolutamente ninguém.

O resto é resto.

Comentários

  1. ...Querida Con,

    É isso aí! Tem que se respeitar a saúde alheia, algo que os fumantes, mesmo inconscientemente, esquecem...Mas há, claro, aqueles que dizem: "fumo onde eu quero, ninguém tem nada com isso...". Ledo ivo engano! Temos sim, que barrar indivíduos que insistem em não respeitar direitos dos outros. Quem quiser fumar, tem todo o direito, fume no seu quarto, no banheiro ( mas deixe a janela aberta, como diz a música, rs...), agora, não pode causar danos às pessoas que além de perderem a saúde, darão enormes gastos ao Estado, onerando-o muito ( um Estado que aqui no Brasil, já adora alhardear que faz muito em tudo...). Devemos ter uma sociedade mais igualitária, justa, onda não haja lugar p/ preconceitos mas tb. não tenha espaço p/ individualismos egoístas,desculpe a redundância, onde o que vale é a máxima: se estou bem, o resto que se dane!....É isso, beijo do Barbudo...

    ResponderExcluir
  2. Deixando claro: não defendo em absoluto o hábito de fumar que provadamente é um risco não só para alguns tipos de cancer,como também para diversos problemas de circulação sanguinea e coração...enfim ,um longo etc.
    Defendo o direito do "cidadão" fumante de fumar em lugares permitidos.Defendo o direito da escolha ,abandonar o tabaco é algo que nem todos são capazes...não é justo praticamente julgar "um assassino" a um fumante,sempre que ele respeite as regras.
    Concluindo: Aqui morre um sujeito atropelado, vem para a forense...
    -Fumante?
    -Causa mortis -tabaco.

    ResponderExcluir
  3. Lula como presidente é um ótimo metalúrgico. Não devia ter deixado de ser um sindicalista...
    O povo resolveu colocar um 'candidato do povo' e agora se depara com um conservador de elite.
    Irônico? Política!
    Já não bastava pinguço, agora fumante...
    Se bem que, talvez ele morra logo e todos ficaremos felizes.

    []'s

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não aprovo comentário ANONIMO!

Postagens mais visitadas deste blog

Pílula Anticoncepcional - Assassina!

Entrevista com Sérgio Viotti

Saturno, também na malha de Gianlucavacchi!