Pular para o conteúdo principal

Lembranças de viagem

Hoje resolvi matar a saudade que vez por outra tenho de algumas das peças que assisti em Nova York. ” Les Miserables”, de Victor Hugo é uma delas.
Acredito que muitos de vocês tenham visto.

Orlando, meu marido, pelo fato de ser jornalista, viajou pelo mundo e uma das cidades em que mais esteve, foi justamente Nova York. Além do trabalho que tinha para fazer - aproveitava para conhecer tudo, e desfrutar daquilo que a cidade oferecia. A Big Aple é uma loucura cultural, e oferece principalmente, as peças de teatro.

Ele é tão fanático que assistiu “Cats”, “Lés Miserables”, “Me And My Girl”, “Phanton Of The Opera”, “Man of La Mancha” - e mais uma meia dúzia das peças da Broadway, mais de 10 vezes muitas delas.

Tive a sorte de chegar há mais de 20 anos em sua vida, e de presente na nossa relação, digo que continuei com ele a loucura de apreciar, ver e rever muitas das peças que nesses longos anos, pudemos curtir, rir, chorar, amar, cantar e dançar dentro dos maravilhosos teatros de Nova York, e assim, faço vez por outra um “flash back”, pois, acredito que jamais (esqueceremos) tudo isso.

Na saída de todas as peças, eu trazia o CD. Nem tudo eu “pegava” do que falavam, meus ouvidos não eram acostumados com a língua, e na primeira oportunidade, em casa, eu estudava a peça inteira, cantava junto, traduzia, entendia, e estava pronta para a próxima viagem!

Repetíamos a dose, e aí sim, eu curtia com mais calma toda ela. Podia ver melhor as roupas, o cenário, ouvir as músicas que eu conhecia “de cor e salteado” e, portanto, era mesmo entretenimento puro! E assim, fui em busca de outras...

Deixo aqui, os vídeos, para quem quiser ouvir alguns dos momentos de “Lês Miserables”. Incluindo a do casal que tomava conta de Cosette, e que roubavam talheres da grande festa. Vale a pena conhecer a história de "Les Miserables" aqui mesmo na internet tem muita coisa. Prepare-se para sua viagem, tudo pode acontecer!


(Os vídeos foram retirados, mas é fácil de encontrá-los no Youtube)


Foram oito Tony Awards, incluindo Melhor Musical.
produzida por Cameron Mackintosh
Em 1987 foi para Nova York
Muito se comemorou "Les Miserables" e muitos foram seus troféus

Comentários

  1. Não estou acreditando nisso! Que sicronicidade, affffffff!rsrsrs Advinha o que estava assistindo pela segunda vez agora há pouco?...Pois creia mana, LES MISERABLES!! Maravilhoso, figurino, interpretação, enfim, é emocionante mesmo, imagino isso tudo ao vivo!
    Belíssima indicação! Boa noite. Beijos

    ResponderExcluir
  2. Mana, é mesmo uma loucura!
    Quando alguma dessas peças vem para Sampa, você nem imagina o tanto de gente que vem de outras cidades só para assistir.

    A montagem é exatamente igual, é uma exigência da CIA! É como se vc estivessemos na Broadway ou em Londres, só que com todas as músicas e falas traduzidas.

    Os musicais são tranquilos de se compreender, é são de uma beleza imensa! Em espcial Les Miserables, é fantástico, assim como The Phantos Of The Opera! Tanto um quanto outro, eu ví muuuuitas vezes! É de enlouquecer e a gente sai do teatro extremamente emocionado, e quando ela é alegre, saímos dançando pela rua... É muito bom!

    Obrigada e legal estarmos conectadas de alguma forma... Passei bom tempo hoje, ouvindo as músicas...

    Beijos!

    ResponderExcluir
  3. Con

    Adorei teu comentário lá no blog, obrigada! Que teu dia das mães tenha sido muito feliz, eu não pude fazer visitas antes.

    O que é essa foto dos beijinhos? Linda, linda!

    Con, morei quase dois anos em Boston e íamos seguido a NY, mas os dólares eram escassos e nunca pude assistir um show na Broadway. Estou me deliciando agora com estes vídeos que postastes.
    Obrigada!
    Bjim.

    ResponderExcluir
  4. Nossa!!! Eu Nào conhecia Les Miserables não... obrigada por introduzir essa peça na minha vida!!! Curti muito!!!!
    Beijos a você!!!

    ResponderExcluir
  5. Olá querida!
    Estou estupefacta com a pessoa culta que és!
    Realmente sou uma ignorante, nunca saí de casa para ver nada deste género a que assististes. Também nunca tive possibilidades financeiras para sair do País. Fui a Ceuta uma vez e pouco mais, as minhas viagens limitavam-se a fazer visitas à família.
    Vivi quase que num “convento” em trinta e dois anos de um casamento “faz de conta”. Ele sim viajou sem mim, conheceu muitos lugares. Mas não estou com isto a incriminá-lo por nada, a culpada fui eu, porque devia ter orientado a minha vida por outro caminho diferente.
    Fico feliz por teres um marido inteligente, culto e sensível à arte, deve ser uma felicidade muito grande conviver com esse homem chamado Orlando.
    Agora que vivo sozinha já assisti a mais filmes (porque adoro cinema), do que em toda a minha vida. Todos os bons filmes, que estreiam no Fórum de Aveiro, eu vou assistir.
    Houve um muito divertido a que assisti duas vezes, imagina! É daqueles filmes que saímos do cinema a rir e com vontade de lá ficarmos para ver novamente.
    Enfim, és uma mulher de sorte! Fico muito feliz por ti, acredita!
    Tem um dia muito feliz!
    Beijinhos,
    Ana Paula

    ResponderExcluir
  6. Grande conceição!

    Se Jesus fosse realmente um grande visionário, que tudo visse do passado e do futuro, sobre este certamente teria dito: “- Bem-aventurados os que vierem a conhecer New York, pois destes será o reino dos céus.”

    Grande abraço, boa semana.

    ResponderExcluir
  7. Já vou ver. Pela primeira vez, mas que bom que tenho oportunidade de ver né?
    Um beijo e obrigada.

    ResponderExcluir
  8. Querida Con.
    Obrigada por compartilhar con nos ese maravilhoso Musical.
    Meu filho mais velho, ´çe professor na Universidade de Cornell, en Ithaca, no Estado de N.Y. Já moram lá à 16 anos. Tenho duas netinhas americano-españolas.
    Assim que nó (,eu marido e eu) também viajamos muito por alí.
    Um beijinho

    ResponderExcluir
  9. Maravilha ...acho que só vi mais vezes o Fantasma da Òpera! Um privilégio ter visto e uma delícia poder rever aqui! Beijos

    ResponderExcluir
  10. Vocês são o casal mais lindo que conheci Con! Imagino, os dois inteligentíssimos, o Orlando com todo aquele carisma, curtindo esses programs culturais hiper legais. Quem bom!!! Daria um livro sabia?

    ResponderExcluir
  11. Quem diria uma novela francesa escrita por Victor Hugo nos anos 1862 transformar-se em algo que te transporta para outra era, eu amo isso, quase cai de bunda , quando entrei no teatro da Opera em Paris, na Place Boideldieu,
    um luxo, so, sinceramente,existem pessoas que vieram ao mundo , para montar espetaculos, e lhe trazer alegria , felicidade, e por muitas vezes lhe devolver a auto estima, incluindo dentre os videos aqui fixados, CONCEIÇAO, congratulations, pelo exelente bom gosto, e principalmente por ter prazer em partilha-lo conosco,


    te adoro
    bjs
    ro

    ResponderExcluir
  12. Paasei para conhecer e ADOREI!!! Voltarei mais vezes...

    Beijinhos e boa seman pra você!

    ResponderExcluir
  13. Nossa Con! Que post lindo!!
    Espero que um dia na minha vida eu tenha também muitas historias ao lado de outra pessoa para contar!
    Um beijo enorme

    ResponderExcluir
  14. Não li a peça, mas o livro foi importantíssimo na formação de meu pensamento social.

    ResponderExcluir
  15. CON

    Esta tua postagem tinha-a lido no dia em que foi publicada!

    Devias imaginar que não sou tão ausente quanto pode parecer...

    Beijão.

    ResponderExcluir
  16. OI Con!

    Mas num tô dizendo que vc conhece o mundo!?

    Diz ao Paulinho que adoro as letras dele, essa em especial me leva às nuvens! Ainda tem outras dele que vou colocar no blog.

    Coloco músicas, filmes e livros que podem ajudar a nos desenvolver como pessoas.

    Essa letra tem uma sabedoria incrível e a sonoridade é de sair pulando no meio da rua... Eu já fiz isso escutando no meu MP3!!!

    Bjs!

    ResponderExcluir
  17. Nossa que bela lembrança..lindos ..todos.

    Conceição fique a vontade para pegar o texto e postar..que bom que gostou dele.

    Grande beijo

    ResponderExcluir
  18. Veja só quantas coisas boas para desfrutar ainda na vida! A geografia, as artes, arquiteturas, shows e tantas mais.
    Obrigado, ninguém faz o que você fez para me prestigiar, comentou as minhas postagens antigas, como eu gostei. Vou te agradecendo aos pouquinhos com comentários, poesias. Beijo moça hiper legal!


    Se não fosse
    o pôr-do-sol,
    a luz da lua;
    Se não fosse
    a luz da ficção,
    uma verdade inventada;
    Se não fosse meu desejo,
    seria uma verdade.
    Fernanda Fernandes Fontes

    ResponderExcluir
  19. gostei muito dessa postagem pois estou muito empolgado ultimamente: é que vou sair de férias em breve e vou conhecer nova iorque. é minha primeira viagem aos estados unidos (eu primeiro quis conhecer o brasil, américa do sul, méxico e europa). com certeza vou à broadway, mas o que eu mais queria ver 'a bela e a fera', já não está mais em cartaz...

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não aprovo comentário ANONIMO!

Postagens mais visitadas deste blog

Um dia você aprende

https://youtu.be/f6Hnwx44AnU




Um dia a gente aprende que...

Depois de algum tempo você aprende a diferença, a sutil diferença, entre dar a mão e acorrentar uma alma.

E você aprende que amar não significa apoiar-se, que companhia nem sempre significa segurança, e começa a aprender que beijos não são contratos, e que presentes não são promessas.

Começa a aceitar suas derrotas com a cabeça erguida e olhos adiante, com a graça de um adulto e não com a tristeza de uma criança; aprende a construir todas as suas estradas no hoje, porque o terreno do amanhã é incerto demais para os planos, e o futuro tem o costume de cair em meio ao vão.

Depois de um tempo você aprende que o sol queima se ficar exposto por muito tempo, e aprende que não importa o quanto você se importe, algumas pessoas simplesmente não se importam... aceita que não importa quão boa seja uma pessoa, ela vai ferí-lo de vez em quando e você precisa perdoá-la por isso.

Aprende que falar pode aliviar dores emocionais, e descobre que se l…

Pílula Anticoncepcional - Assassina!

Estou indignada por ler matérias em jornais e revistas onde jornalistas e médicos escrevem a respeito da pílula anticoncepcional como sendo o meio mais seguro de se evitar filhos, porém...

Nos programas de rádio e TV, a mesma coisa acontece. O que eles não abordam jamais, é o perigo que a pílula anticoncepcional causa para a mulher. (E nem todos os médicos tem essa preocupação com sua paciente).

Ainda hoje, dia 8 de Setembro li no caderno Folhateen - da Folha de S. Paulo, matéria de Jairo Bouer em sua coluna - SEXO E SAÚDE, onde ele aconselha como forma segura para se evitar a gravidez indesejada, o uso da pílula, e ainda escreve que, - menos de 20% delas são adeptas a isto, pedindo que se repense no caso, induzindo a mulher a usar a pílula.

Muito bem. O que as pessoas não sabem e não interessa dizer, é que a pílula e a reposição hormonal podem causar na mulher graves problemas como a TROMBOSE.

A trombose pode se transformar em uma EMBOLIA pulmonar conhecida como TEP - e isto pode matar…

Cozinhando com a faca na mão

Que coisa mais linda ver as crianças participando da vida como se fossem fazer suas próprias coisas, como a sua comidinha, ou arrumar seus deveres e sua caminha e coisas do  dia a dia. 
Lamento o fato de não termos alguns costumes  como temos por exemplo no Japão. Ví dia desses um filme das sobrinhas de uma amiga que nasceram lá e desde muito cedo,  na escola, elas todas trabalham com facas e aprendem a cortar peixes e a fazerem seus pratos tradicionais, rebuscados ou não. Eles acreditam que é interessante saberem mexer com o perigo, como o instrumento faca,  ensinado-as como manipular.  


 Eles tem total razão