INTEIRO AMOR

Que a força do medo que tenho
Não me impeça de ver o que anseio.
Que a morte de tudo o que a credito
Não me tape os ouvidos e a boca.
Porque metade de mim é o que eu grito,
Mas a outra metade é o silencio.

Que a música que ouço ao longe
Seja linda ainda que tristeza.
Que a mulher que eu amo
Seja pra sempre amada, mesmo que distante,
Porque metade de mim é partida,
Mas a outra metade é saudade.

Que as palavras que eu falo, não sejam
Ouvidas como prece, nem repetidas com fervor.
Apenas respeitadas, como a única coisa que resta
A um homem inundado de sentimento.
Porque metade de mim é o que ouço,
Mas a outra metade é o que calo.

Que essa minha vontade de ir embora,
Se transforme na calma e na paz que eu mereço.
Que essa tensão que me corroi por dentro,
Seja um dia recompensada.
Porque metade de mim é o que penso,
Mas a outra metade um vulcão.

Que o medo da solidão se afaste
E que o convívio comigo mesmo,
Se torne ao menos suportável.
Que o espelho reflita em meu rosto
Um doce sorriso, que me lembro
Ter dado na infância.
Porque metade de mim é a lembrança do que fui
E a outra metade, não sei.

Que não seja preciso, mais que uma simples alegria,
Pra me fazer aquietar o espírito.
E que o teu silencio, me fale cada vez mais.
Porque metade de mim é abrigo,
Mas a outra metade é cansaço!

Que a arte nos aponte uma resposta
Mesmo que ela não saiba
E que ninguém a tente complicar
Pois é preciso simplicidade
Para fazê-la florescer.
Porque metade de mim é a platéia
E a outra metade, é a canção.

E que a minha loucura seja perdoada,
Porque metade de mim é amor
E a outra metade, também

http://saofranciscana.spaces.live.com/

Comentários

  1. metade de mim é amor e a outra dor, mas o que seria de mim sem o meu melhor lado? dele não quero jamais sair...
    mil bjuxx!!!

    ResponderExcluir
  2. Lindo!, Lindo, Lindo!

    E entrando na fila da ilá, ilá, ilá, irê, ô, ô, ô do Strawberry: Metade de mim é alegria, a outra metade não sei.

    Grande abraço e bom fim de semana.

    ResponderExcluir
  3. É... não tem com não ser tocado... lindo! Beijos!

    ResponderExcluir
  4. "Porque metade de mim é a platéia
    E a outra metade, é a canção."

    Aqui estamos nós, a ler e a escrever, a ser plateia e a ser canção...

    É a minha primeira visita ao seu blog.
    Gostei muito.

    ResponderExcluir
  5. ...E que a minha loucura seja perdoada,
    Porque metade de mim é amor
    E a outra metade, também.

    Incondicional!

    :>)

    ResponderExcluir
  6. CONNNNNNNNNN,
    eu amo esse texto do Oswaldo Montenegro....adoro muito...e foi desde que o ouvi pela primeira vez, que ele passou a fazer parte do minha vida...
    "Que a minha loucura seja perdoada, porque metade de mim é amor e a outra metade também".( acho que isso é a minha cara, quer dizer, nossa cara...rsrsr)
    Penso que somos todos metades, até encontrarmos a metade que nos completa...
    Beijossssss

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não aprovo comentário ANONIMO!

Postagens mais visitadas deste blog

Pílula Anticoncepcional - Assassina!

Entrevista com Sérgio Viotti

Dr. Luis Fernando Aguiar - Ginecologista diz....