Tertúlia - Prazer


Desde que o assunto foi proposto para a tertúlia desde mês, andei pensando muito sobre ele. Perguntei para alguns daqueles com quem conversei durante este período, sobre a compreensão desta palavra tão “gostosa” de se "sentir".

Naveguei por blogs e pesquisei na net sobre o prazer, e vi muitas vezes a palavra ligada diretamente ao sexo! Ao gozo, ao possuir uma pessoa e a ela - e dela fazer sentir o doce mistério da vida, o tão esperado prazer (sexual)!

Nem sei bem se por estar passada dos 50, não é a primeira coisa que me vem à mente, o sexo - quando ouço ou leio a bendita palavra prazer, embora, ainda me lembre muitíssimo bem, o quanto de prazer sexual senti na vida e o quanto isso me fez bem. Quantas vezes tremi inteirinha, e me entreguei mole e totalmente drogada pelo tesão enlouquecido e pelo prazer que dominou todo o meu corpo, cabeça, mente, olhos, pernas, coluna vertebral, - tudo em mim era prazer!

O prazer me fez amar, e largar barcos e redes por trazer com ele, o amor, e aí sim, encontrar a perfeição de uma relação onde hoje em dia, ela é extremamente prazerosa na convivência diária e no intelecto de dois seres independentes que somos, meu marido e eu. É bom que se diga que também senti apenas o prazer pelo próprio prazer! É maravilhoso.

No entanto, sinto o prazer em muitas outras coisas distantes do sexo.

Hoje em dia, quero paz no meu coração. Isto me dá um prazer muito grande, um bem estar infinito quase. Gosto de estar na minha casa, com meus filhos, comer a minha comida, e fazer o que gosto. Este é meu prazer maior.

Amo passear no shopping e comprar um determinado chocolate que enlouqueço com ele, e como sozinha, sem contar para ninguém. Ele é só meu.

Vejo meus filhos felizes com os parceiros que escolheram para a vida, e quando sinto o olhar de cumplicidade entre eles, isto me faz chegar pertinho do céu.

Vejo minha mãe comemorar um tanto de idade, e sua cabeça está a mil por hora. Que grande prazer presenciar tudo isto.

Vejo uma criança tomar um sorvete ou abrir um ovo de Páscoa com brilho nos olhos que parecem estar vendo mágicos à sua frente. Imagino o quanto aquilo para ela é incrível, desconhecido e saboroso! O brincar apenas. Deve ser um tremendo prazer.

Leio o que os amigos daqui blogam com tanto carinho e trabalho, para nos informar, ensinar, brincar, desabafar conosco, e vejo o quanto se dedicam para que nós passemos por lá e deixemos nosso registro, no entanto, sabemos que encontrar um “alozinho” amigo nos comentários, é demais prazeroso...

Deitar numa cama com lençóis brancos, tomar um bom vinho, sentar à mesa com amigos de verdade, ah! Como isso é cheio de prazer.


Trabalhar e ser reconhecido pelo que se faz, é puro prazer.

Pegar um bebezinho no colo, limpo, cheiroso e gostoso, perfeito e abençoado por Deus, que parece um pedaço do DIVINO em nossos braços, já percebeu o quando de prazer isto nos causa?.

Abraçar alguém que gostamos, ser abraçado, corresponder-se com seus pares e ter deles um retorno de um simples gesto, seja ele o mais singelo de todos, ainda assim, sentimos um imenso prazer.

O prazer está no gesto do outro.
Em nos receber, em nos responder, em torcer por nós, em sentirmos que quando entramos na vida de alguém seja virtual ou real, somos recebidos com prazer.

O prazer é a simplicidade de se doar,
de deixar uma palavra e passar a certeza de que o contato com o outro, seja à mesa, por e-mail, no blog, no telefone, na vida, na cama ou em qualquer outro lugar, há de ser sempre entregue com o sorriso sincero e aberto, que se estampa no rosto apenas daqueles que sentem o prazer!

Comentários

  1. Adorei as palavras e as imagens! Senti um enorme prazer ao ler seu texto. Parabéns!


    Viva a vida! Viva o prazer!

    ResponderExcluir
  2. Oi Filha!

    Mas como é bom falar sobre o prazer!Vive-lo, então, nem se fala!

    Você é mesmo minha filha!
    Para falar com tanta franqueza e sinceridade sobre um assunto tão delicado é preciso ter coragem.
    Mas... Você falou muito bem!
    Começou pelo começo e não escondeu o leite.

    Até eu estava lá, na sua postagem. Porque a alegria e a felicidade das pessoas que amamos, são fontes de prazer, sem dúvida. Fico feliz, mais uma vez, constatando o seu amor pela mamãe.

    Há mesmo tantos prazeres na vida, pior que muita gente não os percebe, nem os reconhece. Assim, perdem muitas vezes o melhor que ela nos dá.
    Quando se fala do prazer em relação ao sexo, então, todos os tabus vêem à tona, e há um tipo de gente, que nem tolera ouvir falar sobre o assunto de publico, ainda que esse público seja um pequeno grupo de amigos.
    Esses, na minha opinião, geralmente, não se dão a conhecer, mas nunca acredito que alguém seja realmente indiferente, principalmente, porque “o santo, nasceu morto”. Os que se fazem de santos, pela calada, bem que gostam de uma sacanagenzinha, com todo o respeito e a licença daqueles que lerem este comentário.

    Os prazeres que buscamos, são geralmente, os da carne.
    Claro, somos animais e como tal, prazeres como o sexo, são necessidade, nem mesmo só nossas, pessoais, mas da própria natureza que trabalha em favor da perpetuação da espécie.
    Que bom ser assim, hein? Belo alívio que a ciência nos dá para um deslize que possamos cometer pela vida (ou, mais de um até! rsrsr).

    Vou contar para você, o que costumo dizer aos recém chegados franciscanos que vem estagiar no Dep. Jurídico, quando dou a eles, como se precisassem, umas dicas sobre s “malandragens” da vida.
    Tudo me perguntam, porque eles já constataram que respondo sempre com a verdade e ensino desde logo que não tenham medo de ninguém, que profissionalmente há que haver respeito, toda a ética, mas medo, nunca.
    Daí, certamente, chegamos depois ao assunto sexo. Imagine uma velhinha batendo papo com essa meninada que acabou de entrar na faculdade e de completar, às vezes, apenas 17 aninhos!
    É engraçado, mas os veteranos chegam para por fogo na prosa e instigarem a quem pergunta e a mim que respondo sempre. Eles ouviram um dia, mas querem ouvir outra vez, porque gente “velha”, respeitosa, não fala de sexo com meninada.
    Eu falo.
    Falo tudo.
    É só perguntarem que eu respondo, mas o que lhes ensinei e que eles gostam muito de ouvir, é que na nossa vida, que pode ser cheia de prazeres, dois, nunca serão suplantados, o de F.... e o de SABER. Rimam as palavras! A palavra é chula, dize-la fica mais fácil do que escreve-la, porque posso chocar.
    Mas não fica por aí a lição.
    Digo que para ser melhor ainda "há que se SABER F....”

    É filha, quem sai aos seus não degenera.
    Eu falo
    Tu falas
    Ele ....

    Beijos Con e Deus te sempre.
    Da mamis
    Aidinha

    ResponderExcluir
  3. Pois é Con, ainda bem que conseguimos ter prazer noutras coisas, para além do sexo!
    São todas essas coisas que nos realizam como pessoas...
    Beijinho
    Marie

    ResponderExcluir
  4. Conceição, é verdade, o prazer pode se manifestar de mil formas diferentes, acho que em cada fase da vida ele tem um sentido diferente. Mas estar ao lado das pessoas que amamos e com eles dividir o prazer, é o que existe de mais importante.
    Beijos.

    ResponderExcluir
  5. Olha, não esperava encontrar este tema aqui, ainda por cima, esmiuçado desta maneira.

    Prazer, prazer, oh prazer
    depois disto tudo
    o que mais dizer?...

    Ha. ha!!!
    Então depois dos 50, isso já toma novos rumos!...."Embora, ainda me lembre muitíssimo bem..." dá a ideia de que... eu sei bem que não é isso que "parece"!... Depois dos 50, tenho a certeza, deve haver por aí muita pujança e tremura e... deixa-me ler de novo...

    Ah, "tremi inteiirinha", "drogada pelo tesão", "pernas, olhos, coluna, mente..."
    Vou parar, menina, e saltar de capítulo, senão vou brincar até ao fim...

    Olha, Con, o resto do post é a cereja em cima do bolo.
    O prazer é, na verdade, o que deixa o interior de nós em estado de paz e de alegria espiritual.
    O prazer tem a ver com o espírito, vai para além duma simples emoção. Transborda do físico. É a experiência que se oferece à essência. Algo como: "Se a montanha não vai a Deus, Deus vem à montanha". Dito doutra forma: O Criador é "apenas" Amor, e veio "aqui" (através de nós) TER A EXPERIENCIA do conceito. E o prazer é dádiva que experimentamos e entregamos.
    Porque o prazer está em TUDO o que fazemos, na contemplação, no amor, na paixão, na entrega, na aceitação, no entendimento, na dedicação, na certeza de que estamos a vivenciar as coisas dum paraíso...
    Finalizas com um riso profundo.
    "Façam como eu! - ponto final.
    Aplaudo!

    ResponderExcluir
  6. Conceição, foi como disse ao Eduardo, o prazer é uma sensação inegável de felicidade... e digo mais felicidade extrema, simples, em pequenos momentos da vida... Não só o sexual...
    Amei simplesmente seu texto! Belíssimo!
    Bjo Grande!

    ResponderExcluir
  7. Con...que interessante como momentos semelhantes de vida nos aproximam e nos fazem ficar desejando em suma coisas tão parecidas...Poderia ter sido eu ,neste meu período de vida a escrever estas prazerosíssimas e sábias linhas.Prazeres que já tivemos ..os mais intensos...ainda presentes mas que vão dando lugar a outros ...estes outros que vc tão bem descreve aqui...por coincidência o melhor exemplo de um pouco de tudo isto está na nossa Páscoa de domingo passado...Veja, e me diga se não é por isto que a vida é um prazer renovado e vale a pena...Beijos e parabéns... texto emocionante, forte e verdadeiro.Um grande prazer ter vindo aqui!

    ResponderExcluir
  8. é o que se pode chamar... prazeres múltiplos..

    ResponderExcluir
  9. CON, MEU ANJO
    VC ESTA BEM????
    BJS ALEX

    ResponderExcluir
  10. Parabéns pelo texto,Conceição.Você colocou o enfoque nos prazeres simples essenciais da vida.Um abraço do james.

    ResponderExcluir
  11. Gostei muito..fiz um tanto quanto parecido..
    otimos prazeres postou
    abraços

    ResponderExcluir
  12. Prazer sempre que escuto suas palavras.

    Um abraço.

    ResponderExcluir
  13. Bom dia Con!
    É muito prazeiroso vir aqui no seu blog e ver sua forma de textualizar o PRAZER. Os comentários então, como sempre digo, são um caso à parte. Os da Aidinha sempre expressando, com toda razão do mundo, o orgulho que sente...rs
    Parabéns mana, vc se supera a cada dia!
    É um imenso sempre PRAZER!
    Meu carinho...Beijos

    ResponderExcluir
  14. *Graças a Deus temos muitos prazeres nesta

    nossa vida; né, *Conceição ?! (E em pensar

    que existem muitas pessoas que só sabem

    reclamarrrrrrrrrrrrrr !!! *Deus nos livre

    delas !!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk).

    *Ótima quarta-feira de *Tertúlia !!! *

    *Beijosssssssssssssss.

    ResponderExcluir
  15. Bem... comecei a minha ronda pelo prazer...

    Com um começo destes o dia promete... muitos orgasmos múltiplos.
    Um prazer completo. Uma história de amor linda. Um prazer com rosto. Um rosto bonito e simpático a condizer com os textos a que nos já habituastes.
    Um prazer que subscrevo... na totalidade, rs
    Beijinhos meus, com muiito prazer,
    Lília

    PS: Conceição, hoje era o dia do "clube dos desabafos" no arco-íris. Vou guardar para amanhã, pq é dia de tertúlia. Amanhã quero ver essa história , rs - escrever um pequeno texto e enviá-lo ao Edu, talvez o coloque no varal. Eu, hoje tive um grande prazer, veio daí...

    ResponderExcluir
  16. Óptimo texto, Con. É claro que há outros prazeres, mas o sexo é sempre aquele nos faz desmaiar. Bj

    ResponderExcluir
  17. Não resisti! Desculpa a invasão, virei fã! Adorei!
    Beijos de cá

    ResponderExcluir
  18. Desculpa a intromissão! Depois de ler nem resisti! Virei fã!! Concordo plenamente com essa interpretação do prazer!
    Beijos de cá

    ResponderExcluir
  19. Que prazer senti ao ler teu texto.
    Me fizeste ver o quanto de prazer sinto por tanta coisa, mas não sei dizer ou escrever...
    Que prazer te conhecer!
    (ainda que virtualmente)
    Beijos CON!

    ResponderExcluir
  20. Olá!
    Cheguei até aqui por causa da Tertúlia Virtual.
    Realmente existem tantas coisas que dão prazer além do sexo!
    Bjos,
    Paulinha
    http://coloridascanetas.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  21. Perfeito seu post.
    Ainda não li um melhor.
    Tudo isso que você relacionou, é verdadeiramente fonte de prazer.
    Quanbdo conseguimos chegar on de chegamos, além do delicioso prazer sexual que ainda sentimos, o melhor, é um minuto depois, olhar para nossos homens e ver a imensa cumplicidade que existe entre nós, mais que isso, a aceitação total do outro.
    Um beijo

    ResponderExcluir
  22. Conceição,
    Os meus parabéns por um texto bem íntimo e bem positivo, como era de esperar de si. Aprecio, particularmente, a forma descomprometida, descontraída como fala das coisas. É isso que pode levar ao prazer. Ele evolui e nós temos de o saber acompanhar. Para trás ficaram outros prazeres. O prazer não tem passado. Só tem futuro!

    ResponderExcluir
  23. Eu,nao me canso, de lhe parabenizar, pelos assuntos aqui abordados, existem mesmo muitas formas de se ter
    prazer assim como tambem o desprazer, quem nao gosta
    de ganhar uma joia?e um prazer, quem nao gosta de saber que fez um grande amigo,e que vc pode contar com ele pro que der e vier? e outro tipo de prazer,
    quem nao adora sentar a mao na cara no momento em que
    voce e extremamente ofendido?? alias eu adoro este prazer, nem sempe e claro, porem quando necessario e bom mostrar aos outros que nao somos tao idiotas assim.
    Porem Co, para mim Rosana, nao existe prazer mais delicioso, saboroso, emlouquecedor,gostoso,inebriante,inesquecivel,do que o ORGASMO !!!! esse eu nao abro mao e nem troco por joia nenhuma heheeheh, desde que seja com alguem que lhe complete e que aceite a fazer tudo o que vc quer e logico, caso contrario, deve ser uma desgraça.Evoce Co, so 50 aninhos, tem muita lenha pra queimar. coitado de quem cair nas suas garras,com essa carinha de anjo e esses olhos da cor do ceu, MAMMA MIA !!!

    um grande beijo estou lhe escrevendo aqui de MS,
    estou passando umas ferias

    rosana brito
    tatuape
    ouvindo da band

    ResponderExcluir
  24. CONCEIÇÃO
    Acho que os meus olhos brilharam muito ao ler este seu FABULOSO TEXTO...!!!
    Tudo o que a vida nos pode dar de mais prazeroso está contido aqui!
    Eu também acho que se pode encontrar prazer nas coisas mais rotineiras do nosso dia a dia desde que e nelas coloquemos AMOR.
    Obrigado pela visita.
    Nota: Acho a foto que obteve o 1º Prémio é EXCELENTE!
    Não me importaria de ser o seu autor, mas como a minha mulher é ciumenta... nada feito.
    Beijinhos
    G.J.

    ResponderExcluir
  25. Conceição, o prazer quando compartilhado, sem culpas, natural, espontâneo, seja de que natureza for, até mesmo numa coincidência de pensamentos e ideias é maravilhoso.
    O seu post foi - que não me leiam os demais participantes - o mais bonito que vi até agora.
    Meus parabéns.
    Grande abraço.

    ResponderExcluir
  26. Meu Deus quanto prazer!!!
    É isso minha querida, tem muita coisa boa abafada com neste mundo violento.
    Beijoca.
    Nilda.
    http://meucantin5.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  27. Estou tendo muito prazer em conhecer novos cantinhos e mais prazer ainda de estar participando desta tertúlia maravilhosa.
    Belíssima participação...parabéns!
    Beijos.

    ResponderExcluir
  28. Oiê!
    Puxa, parece que somos mais parecidas que irmãs siamesas! kkkkkkkk
    Também sinto prazeres com todas estas coisas.
    E também foi um prraaazzzeeeer enoooooooooorme conhecer você.
    Ler o que você escreve é outro dos meus prazeres e rir com suas histórias também me dá prazer.
    Puxa, vou parar, está ficando perigoso!kkkk
    Con, o convite para o post de amanhã talvez você tenha lido no meu blog o convite que o Blog arco íris fez. Acho que também vou postar alguma coisa.
    Beijo enorme
    angel

    ResponderExcluir
  29. Amei!!!! Parabens pela linda e comovente postagem.
    Gostei muito de conhecer seu blog e voltarei com certeza.

    Abraços

    ResponderExcluir
  30. Sua postagem ta linda, mas sabe de uma coisa, teu olhar e teu sorriso eles tem um referencial, eles sorriem ao mesmo tempo. rs

    Um prazer ver o sorriso de quem é feliz.

    Bjs querida
    Chris

    ResponderExcluir
  31. Que delícia de prazeres! Mas vc esqueceu de um outro, que penso seja um prazer, olhar suas fotos de antes e depois e ver que ainda guarda uma beleza sem igual, com tracos marcantes de uma bonita menina de olhos azuis que desabrochou em uma bela mulher madura.

    ResponderExcluir
  32. CON, para começar... palmas para Aidinha, e para você também.
    Sua postagem deixou todos a vontade para falar de tantos prazeres ,rsss
    Acredito também que é possível e muito bem ter o prazer pelo próprio prazer, livre e independente de outros sentimentos.
    Relacionei alguns prazeres, mas são tantos...
    Beijos

    ResponderExcluir
  33. Con, fiz um baita comentário. Na hora de postar este sistema deu pane. Vou tentar reconstituir.

    Nota-se pelo teu texto que você tem intimidade com as coisas geradoras do verdadeiro prazer. É preciso, igualmente, reverenciar as atitudes que as pessoas tem frente às oportunidades de sentir prazer. Você é mestra. Belo é perceber que em tudo que diz há uma marca fantástica da simplicidade, que reputo o insumo fundamental para que se possa perceber os verdadeiros prazeres. Parabéns Con.

    Outra coisa: vir aqui e ler o que você escreve com maestria já é um prazer. Mas, além disto, ainda poder desfrutar desse jeito incrível da Da. Aidinha contar histórias é sentir um sabor especial.

    Beijos.

    ResponderExcluir
  34. Que delícia receber um comentário da mãe!! (rs*) A minha lê mas não comenta, quer dizer, comenta quando não gosta!!
    Conceição, acho que aprendeu a viver, a saborear os momentos que realmente importam para a nossa felicidade. Senti alegria na sua postagem. Alegria ou prazer, pra mim quer dizer a mesma coisa. Lógico que se colocassem como tema a alegria, o pessoal não iria se animar tanto! (rs*) Beijus

    ResponderExcluir
  35. Que bonito CON, revela maturidade tudo isso que descreveu!!! Que PRAZER maior poderá haver quando se chegou ao patamar desse desejo? Adorei lê-la! Parabéns.

    um beijinho

    ResponderExcluir
  36. Gostei muito desse espaço...é bom. Aqui existe possibilidades de desenvolvimento. Irei linkar aos meus favoritos...e quero esta sempre por aqui.

    abraços

    Hugo

    ResponderExcluir
  37. é com prazer que venho aqui me deliciar com seu texto maravilhoso... parabens!!!
    que fotos belas...adorei.

    bjocas

    ResponderExcluir
  38. Oi CON,

    adorei passear pelos seus prazeres,
    quando penso em vc, penso em pura e espontânea alegria, é isso que vc passa nas suas imagens
    e palavras,

    muito boa sua participação no Tertúlia!


    bjs,s

    ResponderExcluir
  39. Parabéns, soubeste descrever muito bem o que é prazer. Verdade que quando se fala em prazer muitas vezes tem a conotação sexual, mas na maior parte da vida, o prazer verdadeiro está nesta série infinita de pequenas coisas, que fazem a nossa felicidade diária.
    Um abraço
    Eduardo Poisl

    ResponderExcluir
  40. Lindo e esses são pequenos prazeres que mostram que estamos vivas!um beijo,chica

    ResponderExcluir
  41. Si tú quieres, puedes pasar por mi blog, quizá te guste oír "Lejos de Lisboa" cantada por mi y ver las fotografías que Gaspar de Jesús, fotógrafo portugués, me ha cedido para esta entrada.
    Un saludo,

    ResponderExcluir
  42. Migaaaaaaaaaaaa
    É um prazer visitar seu blog!!!
    bjo

    ResponderExcluir
  43. Olá Conceição bom dia,

    E com muito prazer sinto essa minha segunda leitura do dia, pois a primeira foi seu bonito comentário que me trouxe até aqui.

    obrigada e muito prazer.

    beijos,
    Selena

    ResponderExcluir
  44. Tem selos e memes (se quiser fazer) lá no blog
    Para você..
    Abraço

    ResponderExcluir
  45. Olá Conceição!
    Hoje temos o "Clube dos DESABAFOS" no arco, para birras, neuras, brincar com situações menos agradáveis. Fica o convite!
    beijinhos
    Lília , http://arco-irisdavida.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  46. Também estou nessa fase de ter prazer em muitas coisas e o sexo ficou meio desbotado, diante outros prazeres mais profundos e duradouros.
    Acho sábio.

    Estou gostando deste momento.

    Também estou participando. Bjs.

    ResponderExcluir
  47. O que acontece é que quando estamos impregnados pelo amor, tudo na vida passa a ser prazeroso.
    Cadinho RoCo

    ResponderExcluir
  48. Conceição, quase nada escapou de sua lista dos prazeres! A imagem que ambos usamos pode dar uma boa idéia de como se deve aproveitar os prazeres desta vida!

    Bjs e obrigado pela sua sempre brilhante participação, nas poistagens, visitas e comentários!

    ResponderExcluir
  49. Oi Conceição,

    Legal conhecer as suas fontes de prazer. Se parecem tambem com as minhas prórprias.

    Um abraço,
    Fatima

    ResponderExcluir
  50. Desculpe invadir, mas não posso deixar de te falar o quanto você sabe viver.
    E quem sabe viver aos 50, é porque sempre soube, isso não é o tempo que traz, é a alma.

    ResponderExcluir
  51. Conceição,

    A Natureza é sábia, e coloca cada coisa em seu lugar: quando as nossas forças diminuem para certas atividades que nos davam prazer, dá-nos a oportunidade de buscar realizações compatíveis com o nosso estado físico e mental para que possamos sentir o prazer de viver, ao qual não podemos renunciar.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  52. Oi, Con,

    Quanta coisa Com(partilhada). Prazer imenso conhecer teus prazeres.

    beijo, linda.

    ResponderExcluir
  53. Linda postagem!!

    Realmente os maiores prazeres encontram-se nas pequenas coisas da vida.

    Agradeço o carinho d sua visita e o seu comentário.

    Volte sempre!!

    Beijocas

    * Patty *

    ResponderExcluir
  54. Conceição,tem um selo para você no meu blog.Abraço do James.

    ResponderExcluir
  55. Eu aqui embaixo, depois de 55 admiradores, fico até sem jeito..mas eu preciso dizer que me identific=quei demais com vc. Temos a mesma idade, olhos "de cor" como dizem, uma afetividade semelhante. Vi as postagem e fui adorando e dizendo a mim mesma e alto, só meus gatos escutando, agora nesta tade (marido trabalhando ainda) e eu curtindo vc, e as coisas que vc disse. Eu tb não postei sobre sexo, amor etc..será a nossa idade? Será porque prazer é viver e nem sempre sexo é vida?

    ResponderExcluir
  56. Conceição, desculpe, mas como vc cria esse link aqui , por exemplo, anjos sem asas: uma aventura, sem que ele saia como um postado seu?

    ResponderExcluir
  57. Coceiçao querida, ler este texto tao beim escrito é tao de verdade, es um prazer imenso.
    Estou feliz de encontrarte, amiga.
    Un beijo é um abraço

    ResponderExcluir
  58. Olá querida amiga. As minhas desculpas por chegar tão tarde, mas isso não impediu o enorme Prazer que tive de ver as suas reflexões em relação ao prazer. Na verdade, quando somos jovens fogosos temos uma noção de prazer, mas com a experiência que o tempo nos dá, sentimos e apreciamos outros prazeres, tal como a minha amiga descreve.Obrigado pela sua visita, sabe que é sempre com muito gosto que a recebo, afinal o contactar com os amigos(as) mesmo virtuais, é para mim um enorme prazer. Tudo de bom para si e todos os seus.

    ResponderExcluir
  59. Con,
    a vida é impregnada de prazeres, para onde olhamos, sentimos, o prazer está ali perpetuado. E deve-se sentir pena de quem não sabe captar isso, como uma amiga que tenho, que apagou-se para a vida e para os prazeres que ela nos proporciona, por livre e espontânea vontade. Agarrou-se a preconceitos, a "não gosto disso, não gosto desta pessa e de como ela vive", e preocupada com os outros, está esquecendo de viver prazerozamente, apenas sobrevive. E rementendo a isso, preciso mencionar o prazer que nós mulheres de 50 anos proporcionamos a quem com nós convive. Quer maior prazer que isto!

    Beijinhos

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não aprovo comentário ANONIMO!

Postagens mais visitadas deste blog

Pílula Anticoncepcional - Assassina!

Entrevista com Sérgio Viotti

Saturno, também na malha de Gianlucavacchi!