terça-feira, 31 de março de 2009

Tudo é uma questão de educação


Muito se falou da dona da Daslu na semana passada, em que ela esteve presa por umas horas. Muitos se revoltaram, outros se assustaram, alguns se indignaram, pois, a cada instante percebemos que na Justiça, há pesos e medidas diferentes para todos.

Muitos políticos, empresários deveriam fazer um belo estágio na cadeia. Alguns assassinos – idem! E dona Eliane Tranchesi precisa pagar o que deve e cumprir sua pena, que me pareceu um tanto quanto exagerada, sem esquecermos que estamos falando de Brasil.

Mas, como a esperança é última que morre, desejo a ela muita saúde, e que Lei seja justa para todos.

Meu assunto principal nem é ela, nem a cadeia, mas a educação da nossa gente. Confesso estar um tanto quanto cansada de enfrentar o brasileiro que a meu ver está totalmente “Lost”, como disse Claudio Macksud no programa de rádio que participou comigo semana passada.

Nossa gente não consegue raciocinar! Mesmo em benefício próprio, - isto não existe para eles! Você caminha na calçada da Av. Paulista e percebe que as pessoas andam aos trancos e barrancos, se batem uns nos outros e quase derrubam o próximo. A nossa gente anda sem rumo! Parecem bichos a procura de comida. Correm, correm. Estou assustada e desanimada, pois, eles não têm noção de nada e isto é péssimo. Será que é difícil entender que um lado da calçada é para ir e outro pra vir? Em uma escada, uns descem, outros sobem e o lado deve ser invertido e nunca o mesmo para as duas funções. Isto é complicado demais, ou eu estou ficando louca?

Andei sábado e terça-feira na 25 de Março. Rua de comércio intenso aqui em Sampa. Há momentos que nos sentimos em uma fila, e ai de nós se tentarmos andar na "linha" racional... Nem é possível isto, pois, todos andam juntinhos, sentindo bem o cheiro um do outro, esbarrando, se batendo, - uns vêm, outros vão, tudo no mesmo espaço. Como pode? Será que eles não conseguem entender que seria mais viável, mais confortável, lógico, higiênico e rápido, se andassem na mão e contramão? Se um povo nem andar na rua sabe, nem entrar no elevador deixando que a saída prevaleça, o que será que ele sabe?

É assustador quando as pessoas não entendem o seu próprio caminhar.

sexta-feira, 27 de março de 2009

Parabéns mamãe!



Minha mãe, hoje é o dia do seu niver.
Desejo toda felicidade do mundo para você. Obrigada por você ser a mãe que é para mim. Minha maior e melhor é única amiga. Aquela que me puxa a orelha sempre quando você tem razão. Mas é aquela que não se cansa de dar o seu amor, seu carinho, e sua dedicação. Sempre foi assim e sei que sempre será.

Você é uma grande figura na minha vida e na vida de muita gente que conheço. Rimos muito pela vida... Já choramos, é certo. Nem tudo são flores, mas a essência do nosso cordão umbelical, ficou sacramentado na nossa alma e eu tenho muito de você dentro de mim... Fora é quase a mesma coisa rsrsr.


Enfim, sei da sua felicidade hoje. Da sua felicidade nesta sua idade linda! Experiente. Obrigada por tudo. Por ser discreta, por ser divertida e por ser sobretudo, minha maior defensora. A que se coloca na frente de qualquer arma que porventura alguém aponte para mim.

Um beijo para sempre e meus respeitos a você, minha lindona!

http://cursolivre-aidinha.blogspot.com/

terça-feira, 24 de março de 2009

Vírus ataca toda a blogsfera e nossos micros

Amigos, conhecidos, queridos e usuários desta máquina que é o computador.
Aproveito para reafirmar aqui, que não vivemos sem ele, - está aí a mais pura verdade.

Tem acontecido comigo o seguinte:
Entro em alguns blogs de amigos, conhecidos ou não, que por inúmeras vezes a tela se repete e se multiplica mais de 41 vezes, e numa velocidade incrível! Imagino que com vocês o mesmo se sucede, - como que abrindo várias janelas a ponto de eu não dar conta de fechar. Geralmente ela me vence. Costumo dar "Alt f4" insistentemente, para ver se fecho tudo, nem sempre consigo desta maneira. Na maioria das vezes é preciso reiniciar o micro.

Chamei o técnico, achei que tivesse vírus no meu micro apenas e tão somente. No entanto, ele entrou em outros blogs e me explicou que infelizmente por aqui, no blogspot, pegamos vários vírus e por favor me perdoem, mas disse ele que muitos vêm
dos presentes que recebemos e entregamos por meio dos selinhos. Talvez com mais facilidade aqueles que pegamos na própria internet.

Limpei meu micro todinho. Hoje ainda ví no Varal, uma amiga do P.L dizendo que o micro dela estava "bichado" e por essa razão, andou um pouco fora do ar. Me chamou atenção o seu comentário a ele, pois, encontrei por aqui, outros comentários como este.

Portanto, sugiro que todos nós façamos uma limpa nos nossos micros. Acredito que o façam, mas é bom ficarmos atentos e quanto mais cuidarmos disto, melhor qualidade teremos para que nossa comunicação não seja truncada.

quinta-feira, 19 de março de 2009

A "inguinorância é que astravanca" o nosso país


Pois é, a maioria de vocês sabe que fui fazer uma pequena viagem de navio. Foi ótimo.

No passado os navios eram menores e sendo assim, a quantidade de passageiros era menor também. Digamos que havia no máximo em torno de 600/700 pessoas mais ou menos! Isto para uma empresa de infraestrutura como uma Linea "C" por exemplo, é brincadeira. Pois, num grande restaurante, em um dia, pode-se receber este tanto de gente.

A coisa era mais personalizada. O Maitrê era capaz de fazer uma pasta especialmente para você encostadinho à sua mesa! A comida, era gostosa e o jantar era um grande acontecimento. Atualmente, tanto a comida quanto o jantar, não têm mais glamour!

Mas isto é sabido por nós quando compramos uma passagem para um navio deste porte, com capacidade para 3400 passageiros.

Até aí tudo bem, ele tem seu encantamento! É lindo. Mas algumas pessoas que estão nele são divertidas demais! E nunca fizeram viagem nenhuma na vida, tamanha simplicidade.

Ao chegarmos ao saguão da CONCAIS, onde as pessoas aguardam a liberação para a entrada no navio, recebemos a ordem de retirar o Vaucher em determinado lugar para fazer o check-in..

Enquanto aguardamos, como que por encanto, sinto um toque no meu braço e vejo uma mocinha linda demais, de chapéu, quase uma atriz! Ela me pergunta: "Por favor, onde eu vou ver o Walter? E o Chiquinho? Preciso falar com eles e retirar o quê? Você pode me ajudar?”. Olhei para ela e não acreditei no que ouvia, e juro que pensei que ela estivesse tirando um sarrinho da minha cara, assim, já em ritmo de viagem, manja? Dei uma risada aberta e brinquei com elas, (estavam em quatro, - me cercaram a espera de informações). Alegrinhas, todas nós, disse a elas que eram muito engraçadas, pois, nunca tinha relacionado o nome à pessoa! Ficou um instante meio de "ERGH" no ar. Elas não me entenderam, e continuaram a falar mais que a boca, e mostrando o envelope que traziam nas mãos com a ordem de viagem para a retirada do Vaucher estavam excitadíssimas a espera de Walter e Chiquinho. Só aí então é que percebi que a pergunta era séria. Respirei fundo e com muita calma expliquei aquilo que elas não haviam entendido. E sem nenhuma surpresa, acharam legal.

Estranhei muito o silêncio das inocentes, pois, muitas vezes eu rio de mim mesma. Acho que isto é um bom sinal.

terça-feira, 17 de março de 2009

A mala


Tem coisa pior que perder a sua mala em viagem? Tem. Roubarem ela! Eu roubei uma mala!!! Gente! Estou desapontadíssima comigo.

Quando deixamos o navio, saí na frente do Orlando, e determinada fui ao encontro de nossas malas, indicada pela organização em terra, - “as de etiquetas brancas, ali! “ Achei a minha rapidamente, - a do Orlando , não. Ele chegou depois de anos luz me seguindo, - e encontrou a dele “di prima” e calmamente passamos pela mocinha que confere as bagagens, - tudo ok, saímos.

Pega mala, põe no carro, tira do carro, acomoda, entra, sai, vai para o elevador, tira do elevador entramos em casa! Deixei a mala de lado. Dormimos pouco no navio, aproveitamos que era domingo, demos uma descansada. Acordei de tardinha, Orlando arrumou tudo dele, e eu sem ânimo para mexer na minha... Deixei.

Dia seguinte. Às quatro da tarde me chamam ao telefone, - era a CONCAIS, empresa responsável no Porto de Santos. Perguntam: “Sr. Orlando Duarte, perdeu uma mala na viagem, tal...?!” E eu respondo firmemente que não! Voltei para o micro, mas martelava um zumbido na minha cabeça. Resolvi abrir minha mala! Primeira coisa que faço é abrir a bolsinha de fora, para tirar uma sandália, para minha surpresa encontrei muitos bobs de enrolar cabelo. IMEDIATAMENTE – Minhas orelhas crescem, o calor sobe, vou conferir a etiqueta e percebo (30hs depois) que estou com a mala errada!

Fiquei muito sem graça! Olhei a mala, e vi que ela tinha como marca registrada uma fita e “xuxinhas” cor-de-rosa justamente para que ela tivesse personalidade, mas diante de um ladrão, nada disto importa. Pior, a mamãe quando soube me deu a maior bronca e disse: - “Filha, parece que você nunca viajou! Faça uma marquinha na sua mala para não confundir!” Caí na gargalhada, mal conseguia dizer a ela, que a roubada era um verdadeiro carnaval e de nada adiantou, - nem percebi!!!


Resultado: Fui buscar minha mala em Santos... A outra é de uma senhorinha que feliz da vida, comentou, ao saber que sua mala estava bem guardada, que ainda existia gente boa no mundo... Eu! Algo de bom haveria de sobrar, não é? Uma vez que estou ficando completamente desligada de tudo! Será que o balanço do mar me fez mal? Ou foi a falta de dormir o suficiente? Meu Deus, to ficando assustada.

Castigo: Terei que despachar a mala para o Estado de Goiás.

sábado, 14 de março de 2009

Tertúlia Virtual - Desejo



Para mim, o desejo é a alavanca que me faz viver nesta vida.
Tenho desejos dos mais simples
aos mais malucos que alguém possa almejar e imaginar.

Enquanto eu desejar, me sinto normal.
No dia que eu não mais sentir isso, estarei morta!
Quero um carro impossível! Inatingível para os meus padrões sociais,
mas eu quero ele!
Pois, não sou perfeita e nem Deus,
por isto eu o quero.

É como um sonho e tenho que sonhar - e grande!
Se eu sonhar,
já é um começo para atingir o meu desejo

Tenho desejo de dormir até a hora que eu bem entender
e não gostaria de ter que acordar para fazer cafezinho à ninguém.

Tenho o desejo de deitar numa cama sempre limpa,
com lençois brancos e perfumados!
Tenho o desejo de tomar todos os meus banhos longos.
Tenho o desejo de comer um doce e encher a boca!
Tenho de desejo de ter muitos sapatos, bolsas, perfumes!
Tenho o desejo de poder dar uma casa a alguém
Tenho o desejo de ter um teatro
Tenho o desejo de ter liberdade,
Tenho o desejo por um homem
de viver em paz e de ver meus pares tranquilos
- se realizando no desejo de cada um deles!


Leia desejo de Victor Hugo

quinta-feira, 12 de março de 2009

Mamãe, a revanche!



Mamãe para quem não sabe entrou para o mundo do Blogspot! Fiquei tão encantada com as pessoas deste universo, que acabei arrastando ela. Além de mãe, é advogada, e muito divertida. Sempre gostou da tecnologia e possue tudo que tem direito sobre esse mundo da comunicação.

Quando eu era criança ela foi a perfeita mãezona, mais tarde se tornou uma grande amiga.

Dia desses, fizemos no quarto dela, umas fotos e nos divertimos demais. Para minha surpresa, ela postou todas aqui.

Absorvi o golpe, mas disse que haveria revanche!

Mexendo em fotos e coisas da gente, encontro esta pérola e outras mais rsrsrs.

Neste caso, ela se disfarça fazendo um tipo de mulher diferente do dela, usando peruca, maquiadíssima, óculos escuros, faixa no cabelo etc, tudo isto, para atender a uma cliente, que estava com um inquilino que detonou o apartamento - ele fez a mudança desobedecendo horários e regras do condomínio, para escapar, mas ela de campana, fotografa e filma tudo! Registrou passo a passo mostrando como prova a manchete do Jornal do dia, e fez o flagrante do delito que ele praticava.

Agora imaginem vocês, como foi difícil segurar uma pessoa como ela, que por seu trabalho, foi capaz de fazer essas maluquices em benefíco do seu cliente, desde que a Lei estivesse a seu favor.

Na época, nossa famíla ficou brava com ela... Hoje, vendo as fotos e lembrando de tudo como foi, dei belas gargalhadas.

Aí segue o link dela > http://cursolivre-aidinha.blogspot.com/

segunda-feira, 9 de março de 2009

Blogagem Coletiva - Inclusão Social



Para nossa amiga Esther do blog ,http://esteranca.blogspot.com/ , que nos invoca a reflexão da inclusão social.
De minha parte sinto o Brasil ainda engatinhando nas suas relações para com os outros.
Aqui, o negro é discriminado.
O pobre é abandonado.
O doente é afastado
O rico arrogante
O aposentado detonado
Os governantes distantes
Os amigos, falantes
A religião atrasada
A fome é grande
A vontade é imensa
As diferenças gigantes
As pessoas diferentes
As pessoas indiferentes
As cidades vizinhas humilhadas
As capitais sobrecarregadas
O trânsito caótico
A condução ausente
O médico impossível
O médico ladrão
O médico assassino
O advogado caro
O advogado é o ladrão
A justiça injusta
A televisão alienada
O homem não é nada
A mulher calada
A criança estuprada
A mãe mancomunada
O Bispo glutão
O país na anomia
E a falta de coração


Como encerrou Felipe do blog
http://presentealimpo.blogspot.com/

"Para todas as pessoas que precisam ou não se conscientizar que o preconceito e a solidão matam antes de qualquer doença. Preconceito é o pior dos crimes, pois não fere a carne. O Preconceito mata a alma. Inclusão social é isso. É nunca deixar de tratar qualquer pessoa como pessoa. Qualquer semelhante como igual.
Um conhecido nosso, aliás, muito conhecido, deixou uma mensagem bem sutil em uma de suas músicas que diz o seguinte:"

“Digam o que disserem, o mal do século é a solidão.” – Renato Russo.

Felipe Mafra - 09/03/2009

sábado, 7 de março de 2009

Dia da Mulher com música e E pintura para nós

Ganhamos de presente a homenagem do amigo desta esfera o Tonho que tem também Mafalda como participação nestes desenhos. Uma graça! E muito obrigada!
http://6vqcoisa.blogspot.com/2009/03/parabens-todas-as-mulheres.html





Muitos "cantaram" a MULHER, no entanto, aqui deixo a música que canta Erasmo Carlos, que para mim, diz tudo sobre nós!

Aos homens, desejo que ouçam e cantem para suas mulheres.

E para todos, homens e mulheres, desejo muita felicidade, não somente hoje, mas amanhã e sempre!

O PAC da Dilma...

ANTES DEPOIS
O QUE A SIGLA PAC REALMENTE SIGNIFICA?

Peeling Aplicado na Coroa

Programa de Auto-limpeza da Cara

Privilegiar Aparência da Candidata

Programa de Aceleração da Cirurgia

Plástica de Adequação da "Companheira"

Programa de Alavancagem da Candidata

Perfil Aceitável da "Companheira"

Pregas Arregaçadas e Costuradas

Pitanguy Adiante Corrige

Esta senhora é a Primeira Ministra-chefe da Casa Cívil - primeira mulher a ser nomeada para este cargo. Ela é Pré - Candidata a Presidência da República em 2010.
Na verdade PAC quer dizer - Programa de Aceleração do Crescimento. Diz o Lula, que ela é a mãe do PAC. Mas, depois da plástica e da campanha a presidência da República, roda na internet e-mails como este.

quinta-feira, 5 de março de 2009

Mulheres


A mulher, como diz Pablo Neruda em um de seus poemas, é aquela que deixa de ter um par de sapatos novos, para que seu filho tenha o dele.

Isto parece simples e até uma bobagem, mas se conseguirmos desenredar o seu significado – nota-se aí que houve por parte dela, a falta da vaidade, o desprendimento, a doação, o conforto e felicidade dele em detrimento do dela, e sabemos, que o amor de uma mulher por um filho é incondicional.

Há mulheres famosas, com histórias lindíssimas como contou hoje uma amiga deste meio, do blog anjo sem asas > trazendo a história da primeira inglesa que aos 16 anos de idade, sai a favor dos direitos da mulher no século XVIII – Analfabeta consegue escrever ao longo da vida, dois livros. Filha de pai carrasco, maldoso. Nunca dependeu de homem nenhum e teve apenas uma filha que foi simplesmente quem criou Frankstein.

Falemos das que estão por perto de nós, e que são normais como eu, como você, como tantas e como todas! A mulher comum, é a que mima uma casa e que perfuma ela toda com a alma e com seu aconchego, - faz a comida chegar para todos, mesmo sendo pega desprevenida. Ela tem o jeitinho para pedir o que quer e o que precisa na hora certa e da maneira exata, pois quando quer uma coisa, não desiste fácil dela.

A mulher abre mão dos seus sonhos e desejos só para ver seus filhos realizados. É a única na família que se entrega de corpo e alma, para o benefício do outro. Ela faz este exercício diariamente se preciso for. Ela é incansável. Ela é mãe, mulher, amiga, amante, madrasta, médica, cozinheira, lavadeira, costureira, manicure, companheira. Ela é amor!

A todas as mulheres que eu travei algum tipo de relação durante a vida, desejo sempre, e não somente no dia em que se comemora o dia Internacional da Mulher, muitas e muitas alegrias e saúde para que seu amor seja infinito, como tem sido desde o dia em que foi criada.

quarta-feira, 4 de março de 2009

Continuação em homenagem a Coubert



Pois é, ainda sobre o tema que deu pano para mangas há duas semanas por aqui ( também ), registramos o absurdo sobre a apreensão por parte da Polícia da Segurança Pública, da Cidade de Braga, com alguns livros - um deles trazia na sua capa a reprodução do quadro de Courbet "A ORIGEM DO MUNDO"... (Confira hoje o post MAGNÏFICO e foto maravilhosa tirada pelo competente João Menéres do blog -http://grifoplanante.blogspot.com/ > Alí, mais uma vez, você - que pode estar desligado da força da natureza, verá sobre o que estamos nos referindo.
De minha parte, trago mais uma experiência de viagem, como trouxe a da China e do Japão, sobre a liberdade de expressão e, sobretudo, o entendimento que cada pessoa e sua cultura têm em função de toda uma história, educação, e costumes. Sem falar da imensa vontade em abrir sua mente para aquilo que é ARTE e saber discernir tudo isto, para pecar o menos possível.
Neste caso, fiquei admirada com a liberdade de como é mostrada a loja de sexyshop na cidade de Oslo. Ela está em uma das ruas mais bonitas da cidade, que aparece como uma das mais caras do mundo.
Oslo, mostra na vitrine vários "consolos" numa churrasqueira.
Nem acreditei quando ví isto. Voltei, fotografei, e entrei na loja, claro!
Estava com uma amiga que mora lá há mais de cinco anos, e me explicou que tudo isto, referente a sexo, por lá, é muito natural e que é normal as mulheres terem em casa, SEM SER ESCONDIDO, o seu consolo, para usar a seu bel prazer, ou quando seu marido viaja!
Oslo é capital da Noruega. Alí se entrega o Prêmio Nobel da Paz.
É maravilhosa, pessoas lindíssimas naquela região. Gente educada, culta e cumpridora da cidadânia e respeita, sobretudo, a vida do outro.
Contarei mais sobre coisas deste lugar imperdível de se conhecer.

segunda-feira, 2 de março de 2009

Você Deve Andar de Crachá!


Pois é, todos nós deveríamos andar com o nome no peito, enquadradinho no crachá para não causar mal estar entre conhecidos e amigos, sobretudo naqueles caras que nós não vemos a trocentos anos e que acham que você precisa saber o nome deles.

Com quem é famoso, isso acontece demais.
Ando com meu marido e a toda hora chega alguém e diz assim: "Aham! Sabia que um dia eu ia te encontrar! Estudamos juntos em Rancharia no primário! Eu me lembro de você tão bem e você não se lembra de mim?"  Putz!! Meu marido fica sem jeito e confesso que ele tem uma memória incrível, muitas vezes melhor que a minha, até!  

Enfim, um crachá, vai muito bem para todos nós!  



Ecological Day!












O homem só irá se dar bem na vida, se souber preservar aquilo que a natureza entrega a ele.

A grande mágica da nossa existência é estar em sintonia com ela, e a sintonia pode ser traduzida por
E Q U I L Í B R I O!!!
Isto se consegue na preservação dos animais, das matas, da água, da terra e sobretudo, pelo respeito ao ser humano!

Há que se pensar mais nos outros, e olhar menos para nós mesmos!

A foto é de Terra Ronca, trouxe-a do blog de nossa companheira que nos mostra muito mais delas do que apenas esta.
Para mim, foi um encantamento ver tanta beleza, muitas vezes não sabemos das maravilhas que existem dentro do nosso país. Confira matéria e mais fotografias lindíssimas de algumas das 521 delas existentes na região.
http://caliandradocerradogo.blogspot.com/

Repasso aos amigos, o comentário deixado para mim aqui, pela amiga ELma Carneiro, e o beijo da Sonia. As duas conhecedoras profundas destás maravilhas . É BRASIL! É Goiás!

..."Quando fui fazer a postagem das cavernas, eu não conseguia escolher a foto mais bonita.

Coloquei e tirei várias vezes para trocar e quanto mais olhava mais me apaixonava por elas e mais me emocionava ao ver o quanto o nosso mundo é lindo e ás vezes perdemos muito por estarmos envolvidos sob outros olhares.

Aquelas cavernas são mágicas e o ronco que elas emitem são do próprio vento que entra por seus labirintos, e câmaras internas ou por algumas pedrinhas que caem causando mais som ainda. Sua caixa ressonância é altamente sensível, e todo ruído que acontece lá dentro parece dimensionado.

Até o clicar da máquina fotográfica é ouvido juntamente com sons que somos incapazes de identificar.Ali só se ouve o som da natureza, que às vezes pode ser o de um silêncio profundo. Sim. Podemos também ouvir o silêncio.

Ali cada centímetro é respeitado, e há quem prefira andar descalço e com cuidado, para reverenciar a magnitude daqueles salões que são como verdadeiros altares para nosso espírito. Há ali uma certa magia mística.

Não há como fugir e guardar essa maravilhosa natureza só para conhecimento de quem vive por aqui."