Pular para o conteúdo principal

Barack Obama Inspiração Brasileira

Tempo feio, desanimador olhar lá fora e ver São Paulo acinzentado. Apesar disso, hoje as notícias são voltadas para a visita do presidente dos EUA no Brasil. Nada tão grandioso, mas nos faz um pouco mais animados para sairmos de tantas tragédias que vem acontecendo como o Tsunami do Japão e as chuvas que estragam tanta coisa e desampara muita gente com seus tremendos estragos aqui tão perto de todos nós.
Primeira vez na história que o presidente mais poderoso do mundo vem antes do nosso presidente ir até ele. Nesse caso, a privilegiada é Dilma, a primeira presidente mulher do nosso querido país.



“Se Não Fosse o Brasil, Obama Jamais teria Nascido”. Esse é o título do livro de Fernando Jorge, que se baseou em dois livros que Obama escreveu – “Dreams of My Father” e “The Audacity of Hope”. Assim Fernando Jorge concluiu ao ler os livros com depoimentos de Barack Obama, que a peça Orfeu da Conceição, de Vinícius de Moraes, de 1956, que mais tarde Marcel Camus adaptou em filme, “Orfeu Negro” de 1959, é o grande “motivo” para o nascimento de Obama.




A história conta que sua mãe Stanley Ann, com apenas 18 anos assistiu o filme e ficou profundamente apaixonada pela história e pelo ator Breno Mello, que tem uma semelhança incrível com Obama. Stanley Ann se muda para o Hawaí, e no colégio encontra um sósia de Breno Mello e se apaixona por ele. Esse homem era o futuro pai de Obama.
A semelhança é grande, confiram aí. Tudo é história. Que a visita de Obama, seja boa para todos nós.
Interessante: Dilma recebe hoje os ex presidentes que ela convidou para o almoço com Obama. São eles, Itamar Franco, Collor, Fernando Henrique, Sarney e Lula. Este último não aceitou o convite, e se justificou dizendo que agora o momento é de Dilma...

Comentários

  1. O Brasil está de parabéns, CON e o que relatas é interessantíssimo !

    Beijos ( muitos ).

    ResponderExcluir
  2. E parece que a Dilma vem cá,

    mais o Lula!

    Certamente que serão recebido condignamente,

    e não só pelos muitos brasileiros que cá vivem

    mas também pelos portugueses.

    beijonhosss

    ResponderExcluir
  3. Eu venho lhe fazer um convite para receber um premio e divulgar;

    http://masquerade-sissym-blog.blogspot.com/2011/03/stylish-blogger-award-premio.html

    Beijinhos

    ResponderExcluir
  4. Con, minha filha!

    Meu comentário chega atrasado, mas não consigo deixar de registrar aqui, porque me vem à memória, o que diriam minha avó materna e minha mãe se lessem o que você fala do Lula: "PRESUNÇÃO E ÁGUA BENTA, CADA UM TOMA A QUE QUER". Que verdade! O homem é metido mesmo, mas a história um dia mostrará muitas verdades que mormente ele não gostaria de ver tornarem-se publicas.

    Beijos e Deus te sempre!
    Da mamis

    Aidinha

    ResponderExcluir
  5. Um gosto estar no seu blogue para me atualizar.
    Beijinhos.Irene

    ResponderExcluir

Postar um comentário

Não aprovo comentário ANONIMO!

Postagens mais visitadas deste blog

Pílula Anticoncepcional - Assassina!

Estou indignada por ler matérias em jornais e revistas onde jornalistas e médicos escrevem a respeito da pílula anticoncepcional como sendo o meio mais seguro de se evitar filhos, porém...

Nos programas de rádio e TV, a mesma coisa acontece. O que eles não abordam jamais, é o perigo que a pílula anticoncepcional causa para a mulher. (E nem todos os médicos tem essa preocupação com sua paciente).

Ainda hoje, dia 8 de Setembro li no caderno Folhateen - da Folha de S. Paulo, matéria de Jairo Bouer em sua coluna - SEXO E SAÚDE, onde ele aconselha como forma segura para se evitar a gravidez indesejada, o uso da pílula, e ainda escreve que, - menos de 20% delas são adeptas a isto, pedindo que se repense no caso, induzindo a mulher a usar a pílula.

Muito bem. O que as pessoas não sabem e não interessa dizer, é que a pílula e a reposição hormonal podem causar na mulher graves problemas como a TROMBOSE.

A trombose pode se transformar em uma EMBOLIA pulmonar conhecida como TEP - e isto pode matar…

Cozinhando com a faca na mão

Que coisa mais linda ver as crianças participando da vida como se fossem fazer suas próprias coisas, como a sua comidinha, ou arrumar seus deveres e sua caminha e coisas do  dia a dia. 
Lamento o fato de não termos alguns costumes  como temos por exemplo no Japão. Ví dia desses um filme das sobrinhas de uma amiga que nasceram lá e desde muito cedo,  na escola, elas todas trabalham com facas e aprendem a cortar peixes e a fazerem seus pratos tradicionais, rebuscados ou não. Eles acreditam que é interessante saberem mexer com o perigo, como o instrumento faca,  ensinado-as como manipular.  


 Eles tem total razão

Entrevista com Sérgio Viotti

O Jornal Modus Vitae, em Maio de 2007, conversa com Sérgio Viotti, quando ele interpretou um personagem da peça “O dia em que raptaram o Papa”. Viotti foi “Alberto IV”, um papa que imaginou ser por algumas horas, um transeunte comum pelas ruas de Nova York, mas o taxista que o levaria para a aventura - anônimo, judeu, o reconheceu prontamente e o seqüestrou.

O desenrolar da peça teatral de grande sucesso, é uma comédia, e Sérgio Viotti é mais que um ator, ele é mesmo o Papa. Procuramos essa “santidade” do teatro nacional, próximo aos seus 80 anos, e descobrimos que o “Papa” é mesmo pop.

Foi mais ou menos assim que abro a entrevista com Viotti, no entanto, é preciso dizer aqui, que eu me emocionei demais com a peça. Na verdade, muita gente se emocionou. Há momentos de total silêncio do público, e respeito, tamanha figura que ele travestido de PAPA representou.

Assisti a peça, no dia da estréia, algumas pessoas foram entrevistadas na saída ainda tomadas pela emoção. A TV Gazeta vem em minh…