sábado, 21 de agosto de 2010

Eleições - Campanha

Tenho amado estar raramente perto de figuras conhecidas no cenário político como Alkimin, Quércia, Aloysio, Afif Domingues, Serra e o meu Deputado Federal pelo PPS - 2323 Roberto Freire. Na verdade o mais divertido e parazeroso é estar junto das pessoas. Pessoas como eu, que a vida toda foram eleitoras. Algumas delas, são maravilhosas; outras, desconfiadas e armadas contra o "político". Outras ainda, olham para eles como se fossem artistas, alguns tem palavras agressivas, outras carinhosas e muitos da população são corruptos, tanto quanto dizem a respeito dos políticos. Essa é a cabeça de quem está na rua. Impressionante isso.

Nem tudo pode ser belo. Nem tampouco feio. No mínimo é uma ótima experiência.
Uma história que aconteceu comigo nessa semana, quando eu andava pelas ruas do meu Bairro. Um sujeito recebeu das minhas mãos um "santinho" veio logo com os pés no meu peito e disse: "Anota aí o número da minha conta corrente pra você depositar uma grana pra mim". Respondi a ele um pouco assustada, o seguinte: Meu senhor! Se alguém do TRE estivesse perto de nós, o senhor poderia ser multado, sabia? A troco de que, eu depositaria um dinheiro na sua conta? E me disse ele: "Ora! Não ta pedindo voto?". Não! Respondi firmemente. Apenas pedi licença, entreguei meu santinho ao senhor e disse que era para me conhecer melhor que sou candidata! "Sim! Disse ele, quero um presente! Grana, cesta básica, camiseta, alguma coisa." Nada disso, pode ser feito, porque eu estaria comprando seu voto. Mas sabe de uma coisa, meu senhor, acredito que o senhor deva procurar para votar, um candidato igualzinho ao senhor! Certamente encontrará. E assim, sua cidade, seu mundinho e seu país continuarão bem, como o senhor merece e gosta.







Claro que há também aquela gente linda, que sempre acredita no melhor, na mudança, e que tem o conhecimento, a história a vivência daquilo que foi feito pelos políticos que estão aí há muito tempo trabalhando para um bem maior. Isso é gratificante e compensa qualquer palavra agressiva que encontramos no meio do caminho. Confesso que a maioria do povo que cruzamos são receptivos e esperam, como característica do brasileiro, com positivismo e alegria que haja algumas mudanças para uma vida mais digna e melhor.

As fotos são no mercado da Lapa em São Paulo, e em Campinas na inauguração do Comitê de apoio aos candidatos do Serra.

Eles acreditam, eu acredito, é preciso acreditarmos.



terça-feira, 3 de agosto de 2010

Antenor Antenado

http://www.muraldoantena.com.br/

Um amigo jornalista esteve também no lançamento do livro, e mandou o link para que eu pudesse curtir um pouco aquele momento que foi um tremendo sufoco, no sentido de não conseguir ver e estar com meus amigos com mais calma e tempo para poder conversar, trocar uma idéia, contar as novidades e matar as saudades de muitos deles.

Mas volto a dizer que foi muito legal.

Vejam um pedacinho aí no link do Antenor, com o título de Orlando Duarte.