Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2009

Natal e minhas lembranças

O Natal sempre foi para mim um momento de emoção. Eu não entendia bem o que ele significava, apenas percebia o movimento diferente em casa, no comportamento das pessoas, e ajudava a Mamãe a montar a árvore de Natal cheia de luzinhas para enfeitar nossa casa.

Sabia que ia ganhar presentes, víamos alguns parentes que não costumávamos ver no dia a dia, dormíamos tarde, e sabia que íamos jantar na casa de uma tia que eu gostava muito. Apesar disso tudo, sentia também certa tristeza. Não sei se é porque estudei em colégio de freira e sabia que Jesus nasceu no Natal, mas depois morreu. Para mim isso era muito triste.

Naquele tempo, tínhamos em casa como peça importante na sala de visitas, uma vitrola. Os discos eram poucos e um deles era de música de Natal. Ouvia mil vezes, mas sentia uma tristeza danada, era quase uma tortura. Algo que me elevava, mas também me punha para baixo.

Outra coisa tradicional, era que o Papai Noel, deixava em casa o presente esperado! No entanto, pedia ao meu pai …

É Muito Cacique para Pouco Índio

Imagem
Mais um que se considera o Rei do Detrito Federal - Brasília

Mais um ano...
Passou tão depressa, não?
Todos nós temos a mesma sensação, verdade?
Ao contrário do meu tempo de criança... Demorava tanto para fazermos 18 anos, para sermos independentes. Demorava muito para chegar o Natal, e agora... agora, quase somos dependentes novamente, e pior, temos certo medo do que está por vir no futuro, na velhice. Pessoas como eu, ja viveram mais da metade da vida. Incrível como isso parecia distante e como agora é tão real. E não tem outra saída, senão aceitar.

Dizem que não se deve pensar no futuro.
Mas é inevitável não fazer um balanço sobre nossa vida. Lembrar vez por outra de quem criamos, de quem até pouco tempo era nossa criança e agora se tornou adulto - independente... Sentimos falta deles... De muito do que passou. Agora é a nossa vez de ver o tempo passar. Nossos filhos estão com toda a corda! Com o mundo e a vida pela frent…

O laço e o Nó!

Imagem
Deixo aqui o convite de lançamento deste livro ,como indicação de uma belo exemplar do psiquiatra e (amigo) competente, Alfredo Simonetti.

O livro com o nome do título deste post, será lançado na aconchegante livraria da Vila, da Alameda Lorena, dia 8 de DEZEMBRO. Será sem dúvida, um grande momento.

Ele fala de lances do relacionamento que são muito comuns entre todos nós. Só que com sabedoria e experiência deste profissional que de maneira tranquila e fácil, mostra seu modo de ver e entender tudo isso, que muitas vezes é tão complicado para nós humamos que somos...

Quem quiser ter uma provinha e conhecer melhor seu modo de pensar e sua tranquilidade no falar e em transmitir suas idéias, entre no site http://www.gentequefala.com
Ouça o programa em "RÁDIO AO VIVO" onde ele participa com brilhantismo. Por acaso, eu estava por lá, e dei meus pitacos... Conheça nós dois um pouco melhor. E até o dia 8!